somos-sobe-53-na-bolsa-apos-ser-comprada-pela-kroton-1200x518.jpg

Lula orienta militantes a não se intimidarem com avanço de Bolsonaro

3 de outubro de 2018 0Mercado

Aéreo - Curitiba – Após encontrar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), condenado e preso pela Operação Lava Jato, nesta quarta-feira, 3, na carceragem da Polícia Federal (PF), em Curitiba, o deputado federal pelo Rio de Janeiro Wadih Damous (PT), disse que o ex-presidente minimizou o potencial demonstrado por Jair Bolsonaro (PSL) na última pesquisa Datafolha das eleições 2018, em que teve novo crescimento.

Serviços - No mesmo levantamento, Fernando Haddad (PT) estagnou nos percentuais de intenção de voto em relação à pesquisa anterior e teve a rejeição aumentada.

Operador Multimodal - Segundo Damous, Lula pediu que os aliados orientem os militantes petistas a “não se deixarem intimidar pelas pesquisas”. “O PT é um partido provado experiente em campanhas. Não é a primeira vez que as pesquisas apontam determinado caminho, e quando esse caminho não é favorável, é revertido no processo eleitoral, nas urnas”, afirmou.

Trabalhe na D-Log - Para o parlamentar, apesar de o segundo turno estar praticamente “garantido”, é preciso “não se deixar abater por conta de um viés favorável (a Bolsonaro), provavelmente momentâneo”.

Trabalhe na D-Log - Damous não descartou a união com o centro no segundo turno, mas disse que o partido “não vai repetir determinados procedimentos que em outras épocas foram corretos e talvez nesse momento não sejam”.

Operador Multimodal - “É óbvio que não vai se negar diálogo com ninguém. Às vezes, você faz amplas alianças, outras vezes reduz esse arco de alianças, isso vai ser definido após ficar claro o segundo turno com a nossa presença”, declarou.

Operadores Logísticos - Para Damous, o PT não subestimou o “anti-petismo”, que, segundo ele, é fabricado por parte da imprensa e do sistema de Justiça.

Clientes D-Log - “Todos cometemos erros, mas não são esses erros o fator decisivo para o anti-petismo, o fator decisivo para o anti-petismo são as políticas sociais. […] Essa é a razão fundamental do anti-petismo, que não está disseminado na sociedade com o alcance que se diz que está. Isso é algo localizado, sabemos como enfrentar isso”, afirmou.

Dietrich Logistics - Estiveram com Lula ainda o tesoureiro do PT, Emídio de Souza, e o advogado do ex-presidente, Luiz Eduardo Greenhalgh. É a primeira visita de aliados a Lula depois da última pesquisa eleitoral.

Customs Clearance - Para Damous, a estratégia petista deve ser a de atacar comentários de Bolsonaro e de seus aliados, como o candidato à vice-presidente, general Hamilton Mourão (PRTB), que criticou direitos trabalhistas, como o 13º salário.

Empresa de Logística em São Paulo - “Ele está nos dando presentes que estamos usando pouco, com (a defesa do) fim do 13º terceiro salário”, afirmou.

Fonte: https://exame.abril.com.br/brasil/lula-orienta-militantes-a-nao-se-intimidarem-com-avanco-de-bolsonaro/


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

AGENTE DE CARGA INTERNACIONALAGENTE INTERNACIONALOPERADOR LOGÍSTICO DE CARGA
OPERADOR MULTIMODALTRANSPORTE DE CARGA AÉREAOPERADOR LOGÍSTICO NO BRASILOTM OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL



D-LOG BRASIL

Rua Nova Jerusalém, 78 - Tatuapé
03410-000 - São Paulo-SP
comercial@dlogbr.com
+55 11 3634-2300

FACEBOOK